Oscar 2011 - Alguns dos filmes falados para a estatueta

4 de janeiro de 2011 ·

«127 Horas» com James Franco, apresentador do Oscar 2010
“127 Horas” é o último filme de Danny Boyle, autor de “Quem quer ser milionário?”. Retrata a angústia de um homem que se vê preso num canyon nos EUA. Contém uma sequência tão dura que durante a sua projecção no Festival de Cinema de Toronto, provocou desmaios e um ataque de pânico. Filme estreado nos EUA a 5 Novembro 2010. O filme, baseado em factos reais, conta a história do alpinista norte-americano Aron Ralston que ficou preso debaixo de um pedra durante quase cinco dias num canyon isolado a sudoeste do Utah, em Maio de 2003, e para se libertar, tomou a decisão de amputar o próprio braço.




«The Fighter» [O Vencedor], de David O. Russell, com  Mark Wahlberg


O filme conta a inusitada trajectória do boxeador Mickey Ward (Mark Wahlberg) até ao título mundial dos pesos-leves. Ao seu lado, o irmão Dickie Eklund (Christian Bale), um ex-lutador que se transforma em treinador e quase perde a vida devido às drogas e o crime.



«O Discurso do Rei», filme de Tom Hooper, com Colin Firth
«O Discurso do Rei», filme de Tom Hooper é o campeão de indicações do ano. Concorre em sete categorias, incluindo filme e direcção. Com Colin Firth, Helena Bonham Carter e Geoffrey Rush. O filme conta a história do rei Jorge VI, pai da actual Rainha Isabel II, que era gago e viu-se subitamente coroado rei, por desistência do seu irmão. Teve que aprender a dominar a sua gaguez para poder pronunciar o seu primeiro e famoso discurso de guerra e assim para transformar-se no líder que o Reino Unido exigia no comando durante a Segunda Guerra Mundial. 





.

14 comentários:

Astrid Annabelle disse...
4 de janeiro de 2011 às 00:41  

Olá António querido!
Ainda estou por aqui escrevendo e vi seu post entrar!
Dos filmes que relacionou me interessei pelo "O Discurso do Rei".
(Agora que vi que é campeão de indicações!!!)
Os outros dois não fazem o meu gênero...sou fraca para suspense..güento não!!!rsss
Como sempre nos presenteia com belas análises.
Um beijo grande.
Astrid Annabelle

Serginho Tavares disse...
4 de janeiro de 2011 às 00:45  

Eu acho que Colin Firth leva o Oscar de melhor ator desta vez
Estou torcendo por ele e pelo filme dele

Beijos querido

Suzana Martins disse...
4 de janeiro de 2011 às 01:35  

Nessa eu estou com o Serginho, eu tbm acho que o Colin leva o Oscar!!

Linda semana pra vc e muitos beijos

Diogo Didier disse...
4 de janeiro de 2011 às 01:56  

Bateu uma dúvida agora...gosto de dois dos três filmes, mas não consigo apostar em nenhum especificamente!

Eliane Gonçalves disse...
4 de janeiro de 2011 às 02:00  

Oi Antônio,

Hoje tive tempo de ler com calma alguns posts antigos do seu blog...

Gostei muito de tudo que li aqui.

Um beijo,

Eliane.

António Rosa disse...
4 de janeiro de 2011 às 08:37  

Bom dia Astrid,

Ontem foi um dia muito trabalhoso. Sobre o 'Discurso do Rei', que parece ser do seu agrado, pois o seu actor principal, Colin Firth é um sério candidato ao Oscar. Com o filme já não acontece o mesmo.

Beijo

António

António Rosa disse...
4 de janeiro de 2011 às 08:37  

Serginho,

Também estou em crer que é ele quem leva a estatueta. E torço por ele.

Beijo


António

António Rosa disse...
4 de janeiro de 2011 às 08:37  

Susana,

E eu, também :))


Beijo

António

António Rosa disse...
4 de janeiro de 2011 às 08:37  

Diogo

Pois não apostemos, que não vale a pena, pois quem manda mesmo são os gringos.

António Rosa disse...
4 de janeiro de 2011 às 08:38  

Eliane, minha querida

Muito agradecido por ter lido. Imagino que o tempo seja escasso.

Beijo

António

Cris Caetano disse...
4 de janeiro de 2011 às 10:11  

Bom dia, Antonio. Eu não acerto em uma previsão para o Oscar, acredita? Com relação a Cinema, a minha intuição é zero, e olha que ela costuma ser muito boa. :)

Beijos

António Rosa disse...
4 de janeiro de 2011 às 11:37  

Olá Cris

Engraçado! Acabei agora mesmo de lhe enviar uma mensagem pelo Google Rede Social.

Muito agradecido pelo comentário.

Adelaide Figueiredo disse...
4 de janeiro de 2011 às 13:03  

António,

Só aqui costumo ler as "crónicas" cinematográficas! Acho que devem ser todos bons. Ganhe o melhor :))

Abraço

António Rosa disse...
4 de janeiro de 2011 às 13:41  

Olá Adelaide,

Este ano comecei mais cedo com os posts sobre os Oscar. Também é a falta de temas que tenho sentido que me faz avançar com estes posts muito levezinhos.

Obrigado

4 de janeiro de 2011

Oscar 2011 - Alguns dos filmes falados para a estatueta

«127 Horas» com James Franco, apresentador do Oscar 2010
“127 Horas” é o último filme de Danny Boyle, autor de “Quem quer ser milionário?”. Retrata a angústia de um homem que se vê preso num canyon nos EUA. Contém uma sequência tão dura que durante a sua projecção no Festival de Cinema de Toronto, provocou desmaios e um ataque de pânico. Filme estreado nos EUA a 5 Novembro 2010. O filme, baseado em factos reais, conta a história do alpinista norte-americano Aron Ralston que ficou preso debaixo de um pedra durante quase cinco dias num canyon isolado a sudoeste do Utah, em Maio de 2003, e para se libertar, tomou a decisão de amputar o próprio braço.




«The Fighter» [O Vencedor], de David O. Russell, com  Mark Wahlberg


O filme conta a inusitada trajectória do boxeador Mickey Ward (Mark Wahlberg) até ao título mundial dos pesos-leves. Ao seu lado, o irmão Dickie Eklund (Christian Bale), um ex-lutador que se transforma em treinador e quase perde a vida devido às drogas e o crime.



«O Discurso do Rei», filme de Tom Hooper, com Colin Firth
«O Discurso do Rei», filme de Tom Hooper é o campeão de indicações do ano. Concorre em sete categorias, incluindo filme e direcção. Com Colin Firth, Helena Bonham Carter e Geoffrey Rush. O filme conta a história do rei Jorge VI, pai da actual Rainha Isabel II, que era gago e viu-se subitamente coroado rei, por desistência do seu irmão. Teve que aprender a dominar a sua gaguez para poder pronunciar o seu primeiro e famoso discurso de guerra e assim para transformar-se no líder que o Reino Unido exigia no comando durante a Segunda Guerra Mundial. 





.

14 comentários:

Astrid Annabelle disse...

Olá António querido!
Ainda estou por aqui escrevendo e vi seu post entrar!
Dos filmes que relacionou me interessei pelo "O Discurso do Rei".
(Agora que vi que é campeão de indicações!!!)
Os outros dois não fazem o meu gênero...sou fraca para suspense..güento não!!!rsss
Como sempre nos presenteia com belas análises.
Um beijo grande.
Astrid Annabelle

Serginho Tavares disse...

Eu acho que Colin Firth leva o Oscar de melhor ator desta vez
Estou torcendo por ele e pelo filme dele

Beijos querido

Suzana Martins disse...

Nessa eu estou com o Serginho, eu tbm acho que o Colin leva o Oscar!!

Linda semana pra vc e muitos beijos

Diogo Didier disse...

Bateu uma dúvida agora...gosto de dois dos três filmes, mas não consigo apostar em nenhum especificamente!

Eliane Gonçalves disse...

Oi Antônio,

Hoje tive tempo de ler com calma alguns posts antigos do seu blog...

Gostei muito de tudo que li aqui.

Um beijo,

Eliane.

António Rosa disse...

Bom dia Astrid,

Ontem foi um dia muito trabalhoso. Sobre o 'Discurso do Rei', que parece ser do seu agrado, pois o seu actor principal, Colin Firth é um sério candidato ao Oscar. Com o filme já não acontece o mesmo.

Beijo

António

António Rosa disse...

Serginho,

Também estou em crer que é ele quem leva a estatueta. E torço por ele.

Beijo


António

António Rosa disse...

Susana,

E eu, também :))


Beijo

António

António Rosa disse...

Diogo

Pois não apostemos, que não vale a pena, pois quem manda mesmo são os gringos.

António Rosa disse...

Eliane, minha querida

Muito agradecido por ter lido. Imagino que o tempo seja escasso.

Beijo

António

Cris Caetano disse...

Bom dia, Antonio. Eu não acerto em uma previsão para o Oscar, acredita? Com relação a Cinema, a minha intuição é zero, e olha que ela costuma ser muito boa. :)

Beijos

António Rosa disse...

Olá Cris

Engraçado! Acabei agora mesmo de lhe enviar uma mensagem pelo Google Rede Social.

Muito agradecido pelo comentário.

Adelaide Figueiredo disse...

António,

Só aqui costumo ler as "crónicas" cinematográficas! Acho que devem ser todos bons. Ganhe o melhor :))

Abraço

António Rosa disse...

Olá Adelaide,

Este ano comecei mais cedo com os posts sobre os Oscar. Também é a falta de temas que tenho sentido que me faz avançar com estes posts muito levezinhos.

Obrigado

linkwithin cova

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
«A vida é o que te vai sucedendo, enquanto te empenhas a fazer outros planos.»
Professor Agostinho da Silva

Visitas ao blogue

Receba os artigos por email

Para si, leitor

Caro leitor, tem muito por onde escolher. Sinta-se bem neste blogue. Pode copiar os textos que entender para seu uso pessoal, para estudar, para crescer interiormente e para ser feliz. Considere-me como estando do seu lado. No entanto, se é para reproduzir em outro blogue ou website, no mínimo, tenha a delicadeza de indicar que o texto é do «Cova do Urso» e, como tal, usar o respectivo link, este: http://cova-do-urso.blogspot.pt/ - São as regras da mais elementar cortesia na internet. E não é porque eu esteja apegado aos textos, pois no momento em que são publicados, vão para o universo. Mas, porque o meu blogue, o «Cova do Urso» merece ser divulgado. Porquê? Porque é um dos melhores do género, em língua portuguesa (no mínimo) e merece essa atenção.


Love Cova do Urso

Image and video hosting by TinyPic

Lista de Blogue que aprecio

O Cova do Urso no 'NetworkedBlogs' dentro do Facebook

.

Mapa natal do 'Cova do Urso'


Get your own free Blogoversary button!

O «Cova do Urso» nasceu a 22-11-2007, às 21:34, em Queluz, Portugal.

1º post do blogue, clicar aqui.

Blog Archive

Patagónia, Argentina

Textos de António Rosa. Com tecnologia do Blogger.

Copyright do blogue

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob a Creative Commons Attribution 3.0 Unported License
Os textos daqui são (maioritariamente) do autor do blogue. Caso haja uso indevido de imagens, promoverei as correcções, se disso for informado, bastando escrever-me para o meu email: covadourso@gmail.com -
Copyright © António Rosa, 2007-2014
 
Blogger Templates